XVIII Semana Estadual do Bebê tem programação adaptada em tempos de pandemia

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é Semana-do-Bebê-2020-Banner-2.jpg


A XVIII Semana Estadual do Bebê ocorrerá entre o dias 6 e 12 de dezembro. Neste ano de muitas mudanças e desafios por conta da pandemia de Covid-19, período em que foram necessárias adaptações ao processo de trabalho para que o cuidado com a primeira infância se mantivesse ativo, apesar da necessidade de isolamento social. Uma destas mudanças está no formato do XIV Seminário Internacional da Primeira Infância com o tema “Primeira Infância em tempos de coronavírus”, que será realizado das 9h30 às 11h30 dos dias 09 e 10 de dezembro, e a cerimônia de premiação do X Prêmio Salvador Celia, no mesmo horário do dia 11 de dezembro, ambos pela primeira vez serão de maneira virtual por meio de transmissão online.

Em sua 18ª edição, o evento organizado pelo programa Primeira Infância Melhor (PIM), da Secretaria Estadual da Saúde (SES), terá programação aberta a toda a sociedade civil e tem público majoritário composto por equipes municipais do Primeira Infância Melhor (PIM), Programa Criança Feliz (PCF) e Agentes Comunitários de Saúde (ACS) além de trabalhadores e estudantes da Saúde, Educação e Assistência Social entre outros.

O evento conta com tradução em Libras, a Língua Brasileira de Sinais, audiodescrição e legendagem automática.

Os três eventos poderão ser acompanhados pelo site do PIM (pim.saude.rs.gov.br/site), Facebook do PIM (facebook.com/PIMRS), Facebook da Secretaria da Saúde (facebook.com/SecretariadaSaudeRS) e YouTube da Secretaria da Saúde (youtube.com/user/acsSESRS).

Programação

O primeiro dia do XIV Seminário Internacional da Primeira Infância contará com palestras da diretora e representante da UNESCO no Brasil, Marlova Noleto, e da oficial de projetos do setor de Ciências Humanas e Sociais da UNESCO, Rosana Sperandio Pereira, que falarão sobre a importância da abordagem integral na primeira infância e os impactos das medidas adotadas para este público durante a pandemia. Ainda neste dia, a chefe da Unidade de Saúde, HIV e Primeira Infância do Fundo das Nações Unidas para a Infância (Unicef) no Brasil, Cristina Albuquerque, abordará políticas públicas inovadoras para a primeira infância.

Para fechar o dia, a consultora nacional de Saúde da Criança da Organização Pan-americana da Saúde (Opas/OMS), Tatiana Coimbra, falará sobre o plano para a promoção da sobrevivência e desenvolvimento das crianças pequenas para transformar a saúde e o potencial humano por meio do cuidado atencioso. A mediação será feita pela psicóloga do Grupo Técnico Estadual do PIM, Luciane Pujol, e pela coordenadora estadual adjunta, Carolina Drügg.

No segundo dia de evento, o diretor do FGV EESP CLEAR da Fundação Getulio Vargas (FGV), André Portela, apresentará o Primeira Infância Melhor como política pública baseada em evidências. Na sequência, a psicóloga, pesquisadora pós-doutora e consultora da Fundação Maria Cecília Souto Vidigal (FMCSV), Elisa Altafim, terá como missão abordar a parentalidade positiva e o apoio às famílias e profissionais.

O último dia será dedicado ao X Prêmio Salvador Celia, quando serão revelados os visitadores e Agentes Comunitários de Saúde melhor colocados em cada região de saúde do Rio Grande do Sul além dos primeiros colocados em cada categoria que ganharão uma viagem ou tablet, conforme edital. Os trabalhos premiados, com tema “Iniciativas criativas na atenção à primeira infância em tempos de coronavírus” na modalidade “Relato de Experiência”, serão apresentados por meio de animações em vídeo. A apresentação da cerimônia será feita pelo psicólogo do GTE, Bruno Moraes, e pela enfermeira do GTE, Letícia Boeira.

Imagem

O atributo alt desta imagem está vazio. O nome do arquivo é 75ba84c9-fa48-4fcc-8da9-26da5538a2d4-5-980x980.jpg

Transmissão ao Vivo

:: Mais informações