O país dos sonhos

À tardinha, ao lusco-fusco, Quando a noite vem caindo, Os duendes, se esgueirando Por entre as sombras, vem vindo; Tocam seus sinos velados, E trazem luzes, risonhos, Pra guiar as criancinhas Ao doce país dos sonhos. No grande barco do sono, Tão suave, deslizando, Vão...

Uma oração de criança

Abençoai o leite e o pão E este macio colchão Em que vou ficar deitada Descansando, sossegada. E fazei com que eu não tenha Medo da noite que passa, E durma até que o sol venha Bater na minha vidraça. Abençoai meus brinquedos Que pra mim não têm segredos; Meus sapatos...

Quem acorda o sol?

Brilha o sol cedo no céu Como a querer me acordar. Por que sempre, pergunto eu? Que faz para não se cansar? – Maninha, explica para mim. – Não sei, não posso lembrar. – Já compreendi tudo, sim… – És tu que o vai beliscar.

Quarto crescente

Boa noite, meu filhinho”, Diz mamãe a me beijar; Me aconchega em minha cama E sai, bem leve a pisar. Daí a pouco, no céu, Surge a lua, bem branquinha; Sento-me para espiá-la: Parece uma canoinha. Se eu pudesse, dentro dela, Viajar pela amplidão, passearia entre...

O dorminhoco

Um dia – já era tarde – Ainda estava deitado, Um passarinho pousou No peitoril da janela E disse, em meigo trinado: – Com que então, meu dorminhoco, Inda não estás levantando?

Minha cama

Tenho uma cama Pequenininha; Por isto mesmo, Ela é só minha. Papai é grande, Mamãe também; O ursinho é pequeno, O gatinho também: Nesta caminha Só cabe o neném.

João Pestana

Quando o relógio da torre Bate as oito badaladas, Sempre se escutam passinhos De alguém subindo as escadas. É João Pestana que chega, E se põe a gritar: “Criancinhas, criancinhas, É hora de se deitar”

Hora de dormir

Quando acabo de brincar, Na cama vou me deitar. Se um dos sapatos esqueço, Mesmo assim logo adormeço.
Marimba

Marimba

Material: Sete garrafas de vidro, todas do mesmo tamanho, ou sete varetas de metal de tamanhos diferentes; um suporte de madeira bem resistente; baqueta de madeira ou lápis sem ponta; água e barbante. Como fazer: Cortar sete pedaços de barbante, amarrar cada barbante...
Côco

Côco

Material: Casca de côco, pincel e tinta guache. Como fazer: Disponibilize tintas guache para as crianças, e solicite que elas façam a pintura na parte externa das duas metades das cascas de côco com os dedos ou com o pincel, da forma mais criativa.